"VOINHO"

Geraldo Victorino de França é engenheiro agrônomo, professor aposentado da Esalq/USP – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz. Foi casado com a professora Zilda Giordano Victorino de França, tiveram 4 filhos, 12 netos e cinco bisnetas. Os verbetes surgiram como um hobby,enviados pela Internet aos filhos e netos. São curiosidades e notas explicativas sobre temas diversos. Como são assuntos interessantes e educativos, surgiu a ideia de compilá-los num livro. Muitos desses verbetes já foram publicados na Enciclopédia Agrícola Brasileira, editada pela Esalq/USP e também na coluninha PLANETA TERRA que era publicada aos sábados no Jornalzinho, suplemento infantil do JORNAL DE PIRACICABA. Também já colaborou na coluna PECADOS DA LÍNGUA, coordenada por Elisa Pantaleão, veiculada aos sábados no jornal A GAZETA DEPIRACICABA.
É membro da Academia Piracicabana de Letras - Cadeira n° 27 - Patrono: Salvador de Toledo Pisa Junior

“Voinho” é o apelido carinhoso como é chamado pelos netos e bisnetas.

Seguidores

Geraldo e Zilda ( Voinho e Voinha)

Geraldo e Zilda ( Voinho e Voinha)

Voinho, neta e bisnetas

Aprendendo com o Voinho

Aprendendo com o Voinho
by Mara Bombo

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Artigo - Geraldo Victorino de França


ANIMAIS DA FAUNA BRASILEIRA AMEAÇADOS DE EXTINÇÃO
Geraldo Victorino de França

Enquanto a população humana aumenta para quase 5 bilhões de indivíduos, muitas espécies de animais estão se aproximando da extinção. A partir do ano 1.600, cerca de 120 espécies de mamíferos e 150 de aves foram extintas. Atualmente, pelo menos mais 120 espécies de mamíferos e 187 espécies de aves estão ameaçadas de terem o mesmo fim.
As causas podem ser diversas, tais como: a) incapacidade de adaptar-se às mudanças do ambiente; b) caça e pesca indiscriminadas; c) tráfico ilegal de animais: d) destruição ou perturbação do ambiente pelo homem, através do aumento das áreas urbanas e suburbanas e dos campos de culturas e pastagens; e) ação de predadores e de doenças; f) poluição.
O maior responsável pela extinção de espécies animais é o próprio homem, que modifica o ambiente natural. A Mata Atlântica, por exemplo, atualmente está reduzida a 7% da sua área original.
No mundo, animais como a baleia-azul, o tigre-de-Bengala,o urso-panda, o rinoceronte, estão ameaçados de extinção.
No Brasil, a lista organizada pelo IBAMA - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente, relaciona 202 espécies com risco de extinção. Como exemplos podem ser citados:
1. Arara-azul. Ave encontrada nos rasos da Bahia. Apreciada por sua plumagem.
2. Ariranha. Espécie de lontra que habita os rios da Amazônia. A caça para obtenção de sua valiosíssima pele causou a sua extinção na Venezuela e põe em perigo no Peru e no Brasil.
3. Codorna. Ave encontrada nos campos e cerrados. Caçada por sua carne.
4. Guará ou cachorro-do-mato.Vive nas matas.
5. Inhambu. Ave que habita as matas e capoeiras. Caçada por sua carne.
6. Jacaré-açu. Encontrado nos rios e lagos da Amazônia. Caçado por sua pele.
7. Jaguatirica. Habitante das matas e regiões pantanosas.Caçada por sua pele.
8. Mico-leão-dourado. Habitante da Mata Atlântica, alvo de tráfico ilegal.
9. Macuco. Ave que habita as matas e capoeiras. Caçado por sua carne.
10. Onça-pintada. Felino encontrado nas matas. Caçada por sua pele.
11. Peixe-boi. Mamífero aquático que vive nos rios da Amazônia. Caçado por sua carne.
12. Perdiz. Ave encontrada nos campos e cerrados. Caçada por sua carne.
13. Tamanduá-bandeira. Encontrado nos campos e cerrados.
14. Tartaruga-verde. Habitante da faixa litorânea. Caçada por sua carne.
15. Tatu-canastra. Animal fossador que habita as matas. Caçado por sua carne.
16. Veado-campeiro. Encontrado nos campos e cerrados. Caçado por sua carne.
A solução do problema requer, entre outras medidas, a criação de reservas naturais e legislação protetora dos animais ameaçados de extinção.

3 comentários:

Mara Bombo disse...

Querido Voinho,
Homenagens, frases poéticas,
certamente faz parte do seu dia a dia,e quero de forma especial, relembrar que além de ser o Voinho de todos nós, hoje também é o dia do Engenheiro Agrônomo - ofício que o Sr. escolheu, com a benção de Deus.
É por isto que o Sr. merece, também esta homenagem, hoje e sempre, por tudo aquilo que o Sr fez, faz e ainda fará.
Um grande beijo
Mara Bombo

Anônimo disse...

É caro Voinho, chegará o dia em que estes animais serão apenas uma lenda em um programa qualquer da televisão, que pena! OBRIGADA por estas informações! Ab. Mel Redi

Anônimo disse...

É caro Voinho, chegará o dia em que estes animais serão apenas uma lenda em um programa qualquer da televisão, que pena! OBRIGADA por estas informações! Ab. Mel Redi

Profª Zilda e Dr. Profº França

Profª Zilda e Dr. Profº França

Esta é a mais nova netinha do Voinho, a Maria Valentina

ORAÇÃO DOS ANIMAIS DA POETISA IVANA M F NEGRI DECLAMADA POR BETTY GOFFMAN NO DOMINGÃO DO FAUSTÃO

Ocorreu um erro neste gadget