"VOINHO"

Geraldo Victorino de França é engenheiro agrônomo, professor aposentado da Esalq/USP – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz. Foi casado com a professora Zilda Giordano Victorino de França, tiveram 4 filhos, 12 netos e cinco bisnetas. Os verbetes surgiram como um hobby,enviados pela Internet aos filhos e netos. São curiosidades e notas explicativas sobre temas diversos. Como são assuntos interessantes e educativos, surgiu a ideia de compilá-los num livro. Muitos desses verbetes já foram publicados na Enciclopédia Agrícola Brasileira, editada pela Esalq/USP e também na coluninha PLANETA TERRA que era publicada aos sábados no Jornalzinho, suplemento infantil do JORNAL DE PIRACICABA. Também já colaborou na coluna PECADOS DA LÍNGUA, coordenada por Elisa Pantaleão, veiculada aos sábados no jornal A GAZETA DEPIRACICABA.
É membro da Academia Piracicabana de Letras - Cadeira n° 27 - Patrono: Salvador de Toledo Pisa Junior

“Voinho” é o apelido carinhoso como é chamado pelos netos e bisnetas.

Seguidores

Geraldo e Zilda ( Voinho e Voinha)

Geraldo e Zilda ( Voinho e Voinha)

Voinho, neta e bisnetas

Aprendendo com o Voinho

Aprendendo com o Voinho
by Mara Bombo

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

CONHECENDO OS INSETOS SOCIAIS



Geraldo Victorino de França (Voinho)

Denominam-se insetos sociais os que vivem em colônias, formando sociedades organizadas, com várias castas de indivíduos que diferem tanto na função como na estrutura. Os indivíduos não sobrevivem fora da colonia, cujo desenvolvimento é controlado por um ou mais indivíduos reprodutores.
         São representados por duas ordens da classe Insetos: a) Himenópteros - abelhas, vespas e formigas; b) Isópteros - cupins.
        1. Abelhas. Formam colonias que vivem em ninhos chamados colméias, produzindo mel e cera. Numa colônia de abelhas encontram-se indivíduos de três castas: uma rainha, numerosas operárias e vários zangões.
       A rainha é responsável pelo desenvolvimento da prole; sua única função é por ovos. As operárias sâo fêmeas estéreis, que se encarregam de todos os trabalhos da colméia: limpeza das células, construção de favos, alimentação da rainha e das larvas que darão origem a novas operárias. Também defendem a colméia e fazem a coleta de pólen e néctar.
     2. Vespas e marimbondos.Constroem ninhos de arquitetura variada, desde células individuais conjugadas até vespeiros  enormes, com grandes populações.Possuem um ferrão venenoso, cuja picada é muito dolorosa.
      3. Formigas. Formam colônias que vivem em formigueiros, onde se encontram  fêmeas fecundas, machos e operárias ( fêmeas estéreis ). Seus ninhos podem estas localizados no solo, com várias câmaras ou " panelas " ligadas por galerias subterrâneas, ou em ocos de paus, troncos de árvores ou embaixo de pedras. Existem vários tipos de formigas: cortadeiras (saúvas, quenquens), lava-pés, caseiras correição, etc.
      4. Cupins.Também chamados térmitas, apresentam castas reprodutoras – casal real, e não-reprodutoras - operárias e soldados. Distinguem-se: a) cupins de madeira, na qual escavam galerias; b) cupins de solo, no qual  erguem ninhos em forma de montículos, chamados cupinzeiros ou " murundus ".

Nenhum comentário:

Profª Zilda e Dr. Profº França

Profª Zilda e Dr. Profº França

Esta é a mais nova netinha do Voinho, a Maria Valentina

ORAÇÃO DOS ANIMAIS DA POETISA IVANA M F NEGRI DECLAMADA POR BETTY GOFFMAN NO DOMINGÃO DO FAUSTÃO

Ocorreu um erro neste gadget