"VOINHO"

Geraldo Victorino de França é engenheiro agrônomo, professor aposentado da Esalq/USP – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz. Foi casado com a professora Zilda Giordano Victorino de França, tiveram 4 filhos, 12 netos e cinco bisnetas. Os verbetes surgiram como um hobby,enviados pela Internet aos filhos e netos. São curiosidades e notas explicativas sobre temas diversos. Como são assuntos interessantes e educativos, surgiu a ideia de compilá-los num livro. Muitos desses verbetes já foram publicados na Enciclopédia Agrícola Brasileira, editada pela Esalq/USP e também na coluninha PLANETA TERRA que era publicada aos sábados no Jornalzinho, suplemento infantil do JORNAL DE PIRACICABA. Também já colaborou na coluna PECADOS DA LÍNGUA, coordenada por Elisa Pantaleão, veiculada aos sábados no jornal A GAZETA DEPIRACICABA.
É membro da Academia Piracicabana de Letras - Cadeira n° 27 - Patrono: Salvador de Toledo Pisa Junior

“Voinho” é o apelido carinhoso como é chamado pelos netos e bisnetas.

Seguidores

Geraldo e Zilda ( Voinho e Voinha)

Geraldo e Zilda ( Voinho e Voinha)

Voinho, neta e bisnetas

Aprendendo com o Voinho

Aprendendo com o Voinho
by Mara Bombo

sábado, 14 de agosto de 2010

Conhecendo os Primatas

CONHECENDO OS PRIMATAS
Geraldo Victorino de França (Voinho)

Os Primatas constituem uma ordem da classe Mamíferos, compreendendo cerca de 180 espécies, estando a maioria delas confinada às regiões tropicais. São quase todos animais arborícolas ( que vivem nas árvores ) e onívoros ( que comem de tudo ).
Dentro da ordem Primatas distinguem-se dois grupos ou subordens: a) Primatas inferiores ou Prossímios, que incluem lêmures e lórix; b) Primatas superiores, também conhecidos como Símios ou Antropóides, que abrangem társios, macacos e o homem.
Entre outras características, os Primatas possuem: a) olhos voltados para a frente,
com visão binocular ( percepção da terceira dimensão ); b) tato refinado, com áreas táteis nos dedos; c) pés e mãos preênseis, adaptados para se movimentarem com segurança pelas árvores; d) cérebro desenvolvido, permitindo agir com inteligência.
Os primatas inferiores são todos arborícolas, sendo que os lêmures estão confinados às florestas de Madagascar, enquanto os lóris são encontrados na África e sudeste da Ásia.
Os primatas superiores são predominantemente arborícolas, mas algumas espécies, como os babuínos, são encontrados em áreas abertas. Os társios vivem nas florestas das Filipinas e Indonésia.
Os macacos do Novo Mundo são representados principalmente pelos sagüis, bugio, macaco-aranha e macaco-prego. Os macacos do Velho Mundo incluem os macacos propriamente ditos, mandris, macaco-narigudo e babuínos.
Os macacos antropóides abrangem os gibões, chimpanzés, orangotangos e gorilas. O maior de todos é o gorila, que chega a pesar 275 kg.

Nenhum comentário:

Profª Zilda e Dr. Profº França

Profª Zilda e Dr. Profº França

Esta é a mais nova netinha do Voinho, a Maria Valentina

ORAÇÃO DOS ANIMAIS DA POETISA IVANA M F NEGRI DECLAMADA POR BETTY GOFFMAN NO DOMINGÃO DO FAUSTÃO

Ocorreu um erro neste gadget