"VOINHO"

Geraldo Victorino de França é engenheiro agrônomo, professor aposentado da Esalq/USP – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz. Foi casado com a professora Zilda Giordano Victorino de França, tiveram 4 filhos, 12 netos e cinco bisnetas. Os verbetes surgiram como um hobby,enviados pela Internet aos filhos e netos. São curiosidades e notas explicativas sobre temas diversos. Como são assuntos interessantes e educativos, surgiu a ideia de compilá-los num livro. Muitos desses verbetes já foram publicados na Enciclopédia Agrícola Brasileira, editada pela Esalq/USP e também na coluninha PLANETA TERRA que era publicada aos sábados no Jornalzinho, suplemento infantil do JORNAL DE PIRACICABA. Também já colaborou na coluna PECADOS DA LÍNGUA, coordenada por Elisa Pantaleão, veiculada aos sábados no jornal A GAZETA DEPIRACICABA.
É membro da Academia Piracicabana de Letras - Cadeira n° 27 - Patrono: Salvador de Toledo Pisa Junior

“Voinho” é o apelido carinhoso como é chamado pelos netos e bisnetas.

Seguidores

Geraldo e Zilda ( Voinho e Voinha)

Geraldo e Zilda ( Voinho e Voinha)

Voinho, neta e bisnetas

Aprendendo com o Voinho

Aprendendo com o Voinho
by Mara Bombo

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Conhecendo os cinco sentidos -2


CONHECENDO OS CINCO SENTIDOS – 2
Geraldo Victorino de França (Voinho)

Os sentidos funcionam com mensageiros dos organismos humano e animal, captando informações e transmitindo para o cérebro através de uma rede de nervos.
Além da visão, comentada na mensagem anterior, existem mais quatro sentidos, que são apresentados a seguir.
B. Audição. Resulta da excitação, pelas ondas sonoras, dos terminais do nervo auditivo, situado no ouvida interno. A audição comparada dos dois ouvidos permite a localização da fonte sonora. Certos animais, como o morcego, emitem sons e captam o seu retorno ( eco ), para a sua orientação.
C. Olfato. A sede do olfato, nos animais vertebrados terrestres, é a mucosa interna do nariz, onde se encontram as células receptadoras da sensação de cheiro. A maioria dos animais possui olfato mais sensível que o do homem.
D. Paladar. No homem, os órgãos do paladar localizam-se apenas na língua, onde as papilas são sensíveis aos sabores ( amargo, ácido, doce, salgado, etc. ) dos alimentos dissolvidos na água ou na saliva.
E. Tato. Este sentido se localiza na pele e tem por finalidade informar os centros nervosos sobre ações locais ( dores ), mecânicas ( pressão, tração ), térmicas ( frio ou quente ) ou de simples contato com outros objetos. Todos os animais têm tato mais ou menos desenvolvido.

Nenhum comentário:

Profª Zilda e Dr. Profº França

Profª Zilda e Dr. Profº França

Esta é a mais nova netinha do Voinho, a Maria Valentina

ORAÇÃO DOS ANIMAIS DA POETISA IVANA M F NEGRI DECLAMADA POR BETTY GOFFMAN NO DOMINGÃO DO FAUSTÃO

Ocorreu um erro neste gadget