"VOINHO"

Geraldo Victorino de França é engenheiro agrônomo, professor aposentado da Esalq/USP – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz. Foi casado com a professora Zilda Giordano Victorino de França, tiveram 4 filhos, 12 netos e cinco bisnetas. Os verbetes surgiram como um hobby,enviados pela Internet aos filhos e netos. São curiosidades e notas explicativas sobre temas diversos. Como são assuntos interessantes e educativos, surgiu a ideia de compilá-los num livro. Muitos desses verbetes já foram publicados na Enciclopédia Agrícola Brasileira, editada pela Esalq/USP e também na coluninha PLANETA TERRA que era publicada aos sábados no Jornalzinho, suplemento infantil do JORNAL DE PIRACICABA. Também já colaborou na coluna PECADOS DA LÍNGUA, coordenada por Elisa Pantaleão, veiculada aos sábados no jornal A GAZETA DEPIRACICABA.
É membro da Academia Piracicabana de Letras - Cadeira n° 27 - Patrono: Salvador de Toledo Pisa Junior

“Voinho” é o apelido carinhoso como é chamado pelos netos e bisnetas.

Seguidores

Geraldo e Zilda ( Voinho e Voinha)

Geraldo e Zilda ( Voinho e Voinha)

Voinho, neta e bisnetas

Aprendendo com o Voinho

Aprendendo com o Voinho
by Mara Bombo

segunda-feira, 23 de março de 2015

CONHECENDO AS FLEXÕES DOS SUBSTANTIVOS


Geraldo Victorino de França (Voinho) 

            Substantivos são palavras que designam os seres, animados e inanimados. Exemplos: homem, livro, flor.
            Os substantivos flexionam-se para indicar o gênero, número e grau.
A.    Gênero. É a propriedade que as palavras têm de indicar o sexo real ou fictício dos seres.  São dois os gêneros: masculino e feminino. Exemplos:

             Masculino         Feminino
            homem................. mulher
            senhor.................. senhora
            pai........................ mãe
            avô....................... avó
            mestre.................. mestra
            ator....................... atriz

B.     Número. Há dois números gramaticais: singular e plural. Exemplos:

           Singular          Plural

            asa...................... asas
            colher.................. colheres
            cruz..................... cruzes
            papel................... papéis
            anel..................... anéis
            nuvem................. nuvens

           C. Grau. Exprime as variações de tamanho. A forma normal admite dois gêneros: aumentativo e diminutivo. Exemplos:
            Normal     Aumentativo  Diminutivo
            casa........... casarão........... casinha
            gato........... gatão............... gatinho
            mulher....... mulherona........ mulherzinha
            rapaz......... rapagão........... rapazelho
            papel......... papelão........... papelucho

            homem...... homenzarrão.... homenzinho

Nenhum comentário:

Profª Zilda e Dr. Profº França

Profª Zilda e Dr. Profº França

Esta é a mais nova netinha do Voinho, a Maria Valentina

ORAÇÃO DOS ANIMAIS DA POETISA IVANA M F NEGRI DECLAMADA POR BETTY GOFFMAN NO DOMINGÃO DO FAUSTÃO

Ocorreu um erro neste gadget