"VOINHO"

Geraldo Victorino de França é engenheiro agrônomo, professor aposentado da Esalq/USP – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz. Foi casado com a professora Zilda Giordano Victorino de França, tiveram 4 filhos, 12 netos e cinco bisnetas. Os verbetes surgiram como um hobby,enviados pela Internet aos filhos e netos. São curiosidades e notas explicativas sobre temas diversos. Como são assuntos interessantes e educativos, surgiu a ideia de compilá-los num livro. Muitos desses verbetes já foram publicados na Enciclopédia Agrícola Brasileira, editada pela Esalq/USP e também na coluninha PLANETA TERRA que era publicada aos sábados no Jornalzinho, suplemento infantil do JORNAL DE PIRACICABA. Também já colaborou na coluna PECADOS DA LÍNGUA, coordenada por Elisa Pantaleão, veiculada aos sábados no jornal A GAZETA DEPIRACICABA.
É membro da Academia Piracicabana de Letras - Cadeira n° 27 - Patrono: Salvador de Toledo Pisa Junior

“Voinho” é o apelido carinhoso como é chamado pelos netos e bisnetas.

Seguidores

Geraldo e Zilda ( Voinho e Voinha)

Geraldo e Zilda ( Voinho e Voinha)

Voinho, neta e bisnetas

Aprendendo com o Voinho

Aprendendo com o Voinho
by Mara Bombo

sexta-feira, 20 de julho de 2012

CONHECENDO OS PIGMENTOS DOS ORGANISMOS


(mercadão de São Paulo)

Geraldo Victorino de França (Voinho)

Os pigmentos são substâncias corantes de natureza diversa, na maioria dos casos proteínas, que exercem determinadas funções e dão coloração aos tecidos vegetais e animais.
São eles responsáveis pela profusão de cores no mundo vivo.
            Numerosas substâncias têm a propriedade de absorver ou refletir a luz solar em
diferentes comprimentos de ondas, provocando a sensação de cor. O pigmento mais abundante no reino vegetal é a clorofila - pigmento verde, que absorve os raios luminosos, principalmente os vermelhos, utilizando essa energia para realizar certas reações da fotossíntese. A seguir devem ser citados os pigmentos complementares das algas marinhas ( algas azuis, algas pardas, algas vermelhas, etc. ) - ficoeritrina, ficofeina,  ficocianina, etc. , que absorvem os raios luminosos não-vermelhos, únicos presentes nas profundezas dos oceanos e mares.
          Os carotenóides constituem, em ordem de importância, o segundo grupo de pigmentos vegetais. São pigmentos de côr vermelha, alaranjada ou amarela, cujo nome deriva da cenoura ( Dacus carota ), muito rica em caroteno.
Outros pigmentos deste mesmo grupo são o licopeno ( tomate ), a criptoxantina  ( frutas ), a zeaxantina ( milho ), a violaxantina ( mamão ) e  a xantofila ( frutas cítricas ). Os carotenóides ingeridos pelos animais são transformados em vitamina A.
          O terceiro grupo de pigmentos vegetais é o das antocianinas, corantes cujos tons vão do rosa suave ao púrpura, passando pelo vermelho-vivo. Portanto, são basicamente corantes ornamentais ( gerânio, papoula, etc. ).
          Dentre os pigmentos encontrados nos animais, destacam-se: a) melanina ( na pele ) - pigmento escuro; b) hemoglobina ( no sangue ) - pigmento vermelho. Este último desempenha papel importante no transporte de oxigênio desde o pulmão até as células do corpo.

Nenhum comentário:

Profª Zilda e Dr. Profº França

Profª Zilda e Dr. Profº França

Esta é a mais nova netinha do Voinho, a Maria Valentina

ORAÇÃO DOS ANIMAIS DA POETISA IVANA M F NEGRI DECLAMADA POR BETTY GOFFMAN NO DOMINGÃO DO FAUSTÃO

Ocorreu um erro neste gadget